Mioma Uterino (子宫肌瘤) segundo a MTC – Por Camille Elenne Egídio

Tempo de leitura: 4 minutos

Segundo a Medicina Moderna Ocidental (MMO), o mioma uterino pode ser definido como um tumor benigno que surge quando uma célula do útero da mulher começa a se multiplicar de forma desordenada. Esse tumor atinge cerca de 50% das mulheres na faixa etária dos 30 aos 50 anos. Comumente chamado de fibroide uterino, o mioma se desenvolve a partir do tecido muscular liso do útero (miométrio). Uma única célula se divide continuamente e desenfreadamente, até criar uma massa densa distinta dos tecidos próximos. Os padrões de crescimento de miomas uterinos variam, podendo se desenvolver de forma lenta, rápida ou permanecer do igual. Alguns miomas passam por surtos de crescimento, e alguns podem diminuir por conta própria. Inclusive, muitos miomas que acontecem durante a gravidez tendem a encolher ou desaparecer após o parto.

De acordo com a Medicina Tradicional Chinesa (MTC), mioma uterino faz parte da teoria das massas abdominais, assim chamadas JI e JU. São massas abdominais decorrentes do acúmulo e estase de Qì (energia) e Xué (sangue) no útero. As 5 principais causas, segundo a MTC, são:

1) Retenção de frio: tendência genética a reter frio no baixo ventre ou a deficiência de Yang Qì;

2) Distúrbios emocionais: emoções fortes, intensas, independentes de suas naturezas podem levar a formação de miomas uterinos, principalmente a preocupação, a tristeza e a frustração. As emoções impedem a distribuição correta do Qi (energia), principalmente do Qi do Fígado;

3) Agentes patológicos exógenos: dieta e fatores ambientais.

Dieta: a alimentação irregular ou o excesso de alimentos de natureza fria podem levar à retenção de frio no abdome inferior. O frio contrai e naturalmente interfere na circulação. O excesso de alimentos gordurosos também enfraquece o baço e pode levar a formação de mioma.

Fatores ambientais: a exposição excessiva ao Frio e à Umidade, especialmente quando ocorre durante os anos da puberdade, pode fazer com que o Frio invada o útero. O Frio contrai e causa estase de sangue no útero. As mulheres são particularmente propensas à invasão de frio no útero durante e logo após os períodos menstruais.

4) Esforço excessivo: o excesso de esforço físico geram deficiência de Qì e Xué, especialmente do Baço. A deficiência de Sangue causa má nutrição do Ren Mai e Chong Mai, de tal forma que o Sangue perde a força e pára de mover devidamente, gerando assim a Estagnação no útero.

5) Atividade sexual e/ou partos em excesso:  o  Yin do Fígado e dos Rins são enfraquecidos devido à sexo em demasia e/ou pelo número muito grande de partos próximos uns aos outros. Essa deficiência de R e F induz ao vazio do Ren Mai e Chong Mai, de tal forma que não podem mover adequadamente o Qi e o Sangue.

Existem 7 sintomas principais do mioma uterino, são eles:

A) Início hesitante do período menstrual – associado à estase de sangue;

B) Fluxo menstrual excessivo de cor escura (presença de coágulos) – associado à estase de sangue e deficiência de Yin do Fígado;

C) Fluxo menstrual excessivo de cor clara – associado à deficiência de Baço;

D) Distensão abdominal (antes e durante o ciclo menstrual) – associado à deficiência de Baço e estase de sangue;

E) Dismenorreia – associado à presença de Frio que contrai o útero, gerando estase e dor;

F) Menorragia e Metrorragia – associados à deficiência de Baço, do Fígado e dos Rins;

G) TPM (Tensão Pré-Menstrual): irritação, depressão e mau humor – associada à deficiência de Yin e/ou estagnação do Qì do Fígado.

Os sinais principais segundo a MTC são:

  • Língua: Púrpura; Avermelhada nas laterais;
  • Pulso: Irregular ou em Corda;
  • Tez: Escura ou Pálida (menorragia);
  • Temperatura Corporal: Fria;
  • Áreas Dolorosas: Baixo ventre e lombar;
  • Excreções: Fezes escurecidas;

ACUPUNTURA | Pontos Principais:

F3 (Taichong): estimula fluxo livre de Qì e alivia dor;

E30 (Qichong): move o sangue;

Ba12 (Chongmen): move o sangue;

Ba6 (Sanyinjiao): move o sangue, alivia cólicas;

Ba1 (Yinbai): cessa sangramento uterino;

Ba8 (Diji): cessa sangramento uterino;

VC3 (Zhongji) + Ba9 (Yinlingquan): eliminam a Umidade no aquecedor inferior;

Ba4 (Gongsun) + PC6 (Neiguan): abrem o ChongMai e movem o sangue;

  • Fluxo menstrual excessivo escuro:

Ba10 (Xuehai): move o sangue e cessa o sangramento;

F2 (Xingjian): move sangue e alivia cólica;

  • Fluxo menstrual excessivo claro/aquoso:

VC6* (Qihai): tonifica o Qì;

E36* (Zusanli): tonifica Qì e Sangue;

*Com Moxabustão.

Recomendações Gerais à Paciente:

  • Evite consumo de bebidas alcoólicas;
  • Evite consumo de frituras e gordura;
  • Evite bebidas geladas e alimentos crus;
  • Evite consumo excessivo de leite e derivados;
  • Evite sedentarismo, mas também não exagere nas atividades físicas;
  • Evite relações sexuais após dia exaustivo de trabalho;
  • Evite dormir tarde e/ou dormir poucas horas;
  • Evite guardar mágoas e/ou frustrações: converse sobre suas angústias;
  • Evite friagem no período menstrual.

Camille Elenne Egídio é acupunturista há mais de 15 anos, professora e coordenadora-geral dos cursos do Instituto Long Tao.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *