Câncer segundo a MTC – Por Ana Paula Zampirolli

Tempo de leitura: 6 minutos

As causas de doenças na Medicina Tradicional Chinesa são determinadas por uma série de fatores. Algumas dessas causas são consideradas externas: vento, frio, calor, secura, umidade e calor de verão. Outras causas são consideradas internas: raiva, alegria, preocupação, pensamento obsessivo, tristeza, medo e choque.

Quando o corpo está saudável, suas várias substâncias e energias estão em equilíbrio harmônico, tanto internamente quanto em relação ao ambiente externo. Quando essa vitalidade (inata Qi) e as defesas imunológicas (Wei Qi) estão fortes, é difícil uma doença contraída externamente se desenvolver, especialmente se o agente patogênico invasor for fraco.

Por outro lado, uma pessoa com um Wei Qi muito fraco pode contrair qualquer agente patogênico que esteja ao seu redor devido às suas defesas excepcionalmente enfraquecidas.

Essa interação entre o Wei Qi e os fatores patogênicos determina se uma pessoa adoece, como o corpo responde à doença, e quanto tempo leva a recuperação.

O Câncer na visão da Medicina Tradicional Chinesa é considerado uma doença possivelmente, curável como também uma doença evitável.

Para que possamos compreender o Câncer, partimos do princípio de que toda a formação de “massas” no nosso corpo é considerada FLEUMA.

A FLEUMA é produto de uma disfunção do Baço-Pâncreas. Quando o Baço-Pâncreas por algum motivo fica enfraquecido, ele falha em sua função de “Remover a Umidade Interna”.  A Umidade interna que permanece presa em nosso corpo, ao longo do tempo, deixa de ser fluída, tornando-se uma massa viscosa a qual damos o nome de FLEUMA.

São exemplos de FLEUMA nos seus mais diversos graus de acometimento: catarro, cistos sinoviais, miomas no útero, cistos no ovário, cálculos renais ou na vesícula, tumores benignos ou malignos, entre outros.

Funções do Baço:

  1. Governa a Transformação e o transporte
  2. Controla o sangue
  3. Controla os músculos
  4. Abre-se na boca e manifesta-se nos lábios
  5. Controla a ascendência do Qi
  6. Abriga o pensamento

O Baço é facilmente atacado pela Umidade exterior. Ela pode invadir o corpo de diferentes maneiras, como circunstâncias ambientais ou hábitos de vida.

Fatores que enfraquecem Baço:

  1. Emocional – A preocupação, uma emoção muito comum em nossa sociedade repleta de estresses, pode esgotar a energia do baço. Isso pode causar distúrbios digestivos e acabar levando à fadiga crônica, um baço enfraquecido não pode transformar o alimento em qi de maneira eficaz e também os pulmões são incapazes de extrair o qi do ar eficientemente. Uma pessoa que se preocupa muito “transporta o peso do mundo sobre seus ombros”, e uma palavra que descreve muito bem como uma pessoa se sente quando o qi de seu baço está fraco é depressão.
  2. Consumo excessivo de alimentos frios, crus e úmidos-  Prejudica a função de transporte e transformação do Baço, causando problemas digestivos como Umidade interior, o consumo de doces e do açúcar branco também contribui no mau funcionamento do baço. Tenha preferência a alimentos mornos e secos e livres de gorduras e frituras.
  3. Doença Crônicaqualquer doença persistente tende a debilitar o Baço conduzir a uma deficiência da energia do mesmo.
  4. Trabalho físico excessivo- o Baço é responsável por manter a força muscular. Quando existe um abuso da atividade física o Baço fica sobrecarregado e acaba por se enfraquecer.
  5. Perda grande de sangue- o Baço é responsável pela produção de sangue. Quando por algum motivo o indivíduo passa por uma grave perda de sangue, seja por cirurgia, ou menstruações intensas por muitos anos, ou qualquer outro motivo, o Baço irá se sobrecarregar para produzir o sangue perdido, e consequentemente entrará em um estado de deficiência.
  6. Doenças que afetam o Pulmão- na Medicina Tradicional Chinesa,  diz-se que o Baço “é a mãe” do Pulmão, e que para se ter um Pulmão forte, o Baço precisa ser forte. Toda e qualquer doença que afete o Baço, irá, em longo prazo, afetar o Pulmão e toda doença do Pulmão irá sugar energia do Baço, enfraquecendo-o.

Tendo o conhecimento dos fatores que enfraquecem o Baço, podemos supor que nos prevenir do Câncer se resumiria em evitar os fatores que causam deficiência deste órgão, evitando assim a formação de Fleuma. O único caso de câncer, que em tese seria “impossível” de se prevenir são os causados supostamente por uma predisposição genética.

O tratamento do Câncer para Medicina Tradicional Chinesa estaria baseado em:

1) Remover a FLEUMA

2) Fortalecer o Baço e reestabelecer sua função de remover a Umidade Interna do organismo.

Se conseguirmos manter o Baço forte, é possível evitar o Câncer e se o indivíduo já possuir a doença, é necessário remover a fleuma, fortalecer o Baço e reequilibrar os órgãos que foram afetados.

Os sintomas da umidade interna natureza Yin: incluem inchaço, diarreia, falta de apetite, alimento não digerido no intestino, fadiga, fraqueza dos membros e cansaço e possível edema na área abdominal.

Língua pálida, edemaciada, marcas de dente, revestimento gorduroso e saburra amarelada

Pulso escorregadio e vazio

Principais pontos capazes de remover a Fleuma, a umidade e fortalecer o Baço:

Expulsar umidade e fortalecer o Baço:

E40 (Feng Long) – fluidifica a mucosidade

BP2 (Da Du)- regula o Baço e resolve umidade

BP3 (Tai Bai)- fortalece o Baço e elimina umidade, estimula o intelecto.

BP9 (Yin Ling Quan)- fortalece o baço e elimina umidade

VC12 (Zhong Wan)- Harmoniza o estômago e fortalece o baço

VC9 (Shui Fen)- harmoniza o Qi

B22- promove a transformação dos fluidos e elimina umidade do aquecedor inferior

BP9 + BP6- com moxabustão elimina frio e umidade

F2 (Xing Jian)- resolve calor-umidade aquecedor inferior

Remover o fleuma:

P5 (Chi Ze)- repele a fleuma, regula e abre as vias das águas

VC5 (Shi Men)- remove umidade ou fleuma do útero

E8 (Di Ji)- expele vento e fleuma da face

VB13 (Bem Shen)- resolve fleuma

Tratamento:

O princípio do tratamento é o de fortalecer o Qi do Baço/Pâncreas (Pi Qi), utilizando-se do método de tonificação, e muitas vezes, com aplicação de moxa.

Ana Paula Zampirolli é bióloga e mestre em paleontologia, bem como acupunturista e professora do Instituto Long Tao.

21 Comentários


    1. Olá Sonia, nós da Equipe Long Tao ficamos muito felizes que tenho apreciado a nossa matéria.

      Obrigada por participar do nosso blog,
      Camille – Diretora-Geral do Instituto Long Tao.

      Responder

    1. Olá Cinthya, nós da Equipe Long Tao ficamos muito felizes que tenho apreciado a nossa matéria.

      Obrigada por participar do nosso blog,
      Camille – Diretora-Geral do Instituto Long Tao.

      Responder

    1. Olá Laurentina, nós da Equipe Long Tao ficamos muito felizes que tenho apreciado a nossa matéria.

      Obrigada por participar do nosso blog,
      Camille – Diretora-Geral do Instituto Long Tao.

      Responder

  1. Muito bem. Explicou de maneira fácil para a compreensão. Tenho um paciente que vou poder ajuda_lo bastante. Obrigado

    Responder

    1. Olá Josias, eu e a equipe Long Tao ficamos felizes por ajudá-lo.

      Obrigada por participar do nosso blog.

      Atenciosamente,
      Camille Elenne Egídio – Diretora do Instituto Long Tao.

      Responder

  2. Fui diagnosticada câncer mama depois stress emocional pressão mais de cinco anos diários na doença pai e mae

    Responder

    1. Olá Ligia, obrigada por participar do nosso blog!

      Com carinho,
      Camille – Diretora-Geral do Instituto Long Tao.

      Responder

  3. Adorei a explicação que sorte a minha estudar assim é ótimo obrigada

    Responder

    1. Olá Camila, ficamos felizes com seu comentário.

      Obrigada por participar do nosso blog,
      Camille – Diretora-Geral do Instituto Long Tao.

      Responder

  4. Bom dia,
    É possível uma pessoa com o câncer em estágio avançado e um pouco debilitada fazer o tratamento?

    Responder

    1. Olá Eduardo, obrigada por participar do nosso blog.

      Sim, é possível receber tratamento em qualquer estágio da doença, porém quanto mais avançado estiver, mais difícil do corpo responder ao tratamento. No entanto, é sempre possível melhorar a qualidade de vida do paciente, esse é nosso maior objetivo.

      Espero tê-lo ajudado de alguma forma.

      Atenciosamente,
      Camille Elenne Egídio – Diretora-geral do Instituto Long Tao.

      Responder

  5. Acho que tudo que já li sobre esse assunto foi a melhor explicação, parabéns !!!!

    Responder

    1. Olá Juliana, obrigada por participar do nosso blog.

      Fico feliz por saber que gostou da nossa publicação!

      Atenciosamente,
      Camille Elenne Egídio – Diretora-geral do Instituto Long Tao.

      Responder

  6. Em Janeiro de 2016, aos 53 anos, foi-me diagnosticado um tumor maligno no rim esquerdo… na sequência do diagnóstico foi-me removido o rim por laparoscopia, 6 meses depois foram identificadas metástases milimétricas nos pulmões em crescimento.
    No estado de avançado ou metastizado este cancro ainda não tem cura, assim, o objetivo do tratamento consiste em prolongar a vida o mais possível, com a melhor qualidade possível.
    Vou aceitando o meu destino aos poucos conforme consigo, com avanços e recuos, um dia de cada vez… ainda consigo ter momentos felizes de eternidade… é preciso procurá-los, a felicidade não vem de fora, vem de dentro… há que construí-la. Vou tentar neste blogue transmitir os momentos que passei, bons e maus, tendo como objetivo encontrar pessoas em situação semelhante e se possível criar um grupo de entreajuda para que possamos ajudar-nos mutuamente e deixar de estar isolados nesta luta…

    https://tenhocancrorenal.blogspot.pt/

    Responder

    1. Olá J. Francisco, primeiramente, obrigada por compartilhar sua história conosco e participar do nosso blog.

      Desejo a você muita força na sua luta e que sua saúde possa se restabelecer o quanto antes.

      Caloroso abraço,
      Camille Elenne Egídio | Diretora-Geral do Instituto Long Tao

      Responder

  7. boa noite a todos meu nome é Ricardo sou acupunturista e massoterapeuta formado na ebramec, de todas as técnicas que já usei tanto para tratar problemas de coluna digestórios,e câncer, foi a técnica do mestre Tung, pois essa técnica trata com pontos raízes, eu estou tratando uma moça com Câncer de mama, e houve uma reduçâo de 40 porcento, ultilizando pontos de pulmão e baço

    Responder

    1. Olá Ricardo, muito obrigada por sua mensagem e por participar do nosso blog.

      Atenciosamente,
      Camille Elenne Egídio
      Diretora do Instituto Long Tao

      Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *